2 de jun de 2011

Mais avanços a paraplégicos

Fonte: O Dia Online


Técnica inédita faz com que paciente, há nove anos sem andar, recupere movimentos

Rio - O policial militar brasileiro de 47 anos, que perdeu o movimento das pernas há nove e foi a primeira pessoa a testar uma terapia com células-tronco para recuperar a sensibilidade dos membros, voltou a movimentar as pernas. Ele também teve melhora na musculatura que controla o fluxo de fezes e urina e não precisa mais de fraldas e outros equipamentos.
O método, desenvolvido por pesquisadores da Fiocruz em parceria com os hospitais São Rafael e Espanhol e a Universidade Federal da Bahia (UFBA), consiste em coletar células-tronco da medula óssea da bacia do próprio paciente. O material é cultivado em laboratório por até cinco semanas e reaplicado no local onde o paciente sofreu a lesão. Depois, o paciente é submetido a sessões de fisioterapia intensa.Segundo os pesquisadores, além do policial, mais 19 pessoas serão submetidas ao teste.

Experiência funcionou com gatos

O método foi testado inicialmente em gatos, em 2007. Eles não tinham sensibilidade e controle da musculatura do abdome à cauda. Em um mês, recuperaram a sensibilidade. Um deles voltou a ficar sobre as patas 15 dias após o início do tratamento.

No caso do policial, a evolução também está sendo rápida, segundo os médicos. O mais surpreendente, até agora, é o fato de o paciente conseguir pedalar. “Em sete dias, ele já teve melhora na sensibilidade e postura”, comemorou Marcus Vinícius Mendonça, neurocirurgião.

Nenhum comentário:

BlogBlogs.Com.Br