17 de abr de 2011

Esportes: Vencer e torcer é a saída

Fonte: O Dia Online


Alvinegro só vai para a semifinal se passar pelo América e Olaria ou Fluminense perderem

POR MARCIA VIEIRA
Rio - O Botafogo enfrenta hoje o América, às 16 horas, em São Januário, precisando vencere torcendo por um tropeço de Olaria e Fluminense, na última rodada da Taça Rio, para sonhar com a classificação para a semifinal. Se um dos dois times não perderem respectivamente, para o Vasco e Nova Iguaçu, o Botafogo estará eliminado do Carioca.

Para fazer com que os jogadores não percam o foco, o técnico Caio Júnior quer o time concentrado apenas em seu próprio jogo. 

“ Vencer o América no domingo (hoje) é a única coisa que passa pela minha cabeça. Temos que ter a preocupação de ganhar o jogo e depois esperar os resultados para ver o que aconteceu” garante.

Para fazer o dever de casa, o técnico fez quatro mudanças no time titular, sendo duas delas motivadas por problemas físico e médico. O volante Marcelo Mattos desfalca o time para se recuperar do seu cansaço muscular e evitar uma lesão.Em seu lugar entra Somália.

“Foi uma decisão que tomei em conjunto com o fisiologista e o preparador físico. Ele vem de cinco jogos seguidos e é melhor que não jogue para não correr o risco de ter uma nova lesão”, explicou Caio Júnior.

Outra mudança é na lateral direita. Alessandro sofreu uma torção no tornozelo esquerdo no jogo contra o Avaí e vai ceder o seu lugar a Lucas, que entrou muito bem contra naquele jogo. As outras duas mudança são de ordem técnica. A maior novidade é o garoto Cidinho, 18 anos, destaque dos juniores. Ele encantou o treinador nos poucos minutos que jogou contra o Boavista e Paraná e nos treinos. Cidinho entra no lugar de Caio, que volta para o banco.

“É diferente jogar no profissional,mas fiquei tranquilo. Me deram todo o apoio e gostei.Fiquei muito feliz com essa oportunidade aí, tenho que agradecer muito ao professor Caio Júnior e tentar conseguir dar muitas alegrias a ele”, aposta Cidinho, que é artilheiro dos juniores com oito gols ao lado de Jairo.

Já na lateral esquerda, Guilherme ganha a sua primeira chance deixando o titular Márcio Azevedo no banco. “Ainda não tenho a convicção que ele vai continuar no grupo para o Brasileiro. Ele agora vai dar lugar para o Guilherme, que tem potencial. Além disso tem o Cortês, que chegou e fez uma boa partida diante do Avaí, tanto na parte ofensiva quanto defensiva”, explicou o treinador.

Nenhum comentário:

BlogBlogs.Com.Br